Piso Vinílico

Qual a diferença entre piso vinílico e piso laminado?

O laminado é feito com HDF, um painel de madeira de alta densidade. Sua parte superior recebe a estampa que dá a visual de piso e o material vem em réguas. O vinílico, por sua vez, é produzido a partir de PVC e pode vir em réguas ou placas.

O piso laminado pode ser aplicado apenas com encaixe em contrapisos com, no máximo, 3mm de saliências em uma extensão de até 1m. O piso vinílico, por sua vez, demanda um piso nivelado. Se necessário, é preciso usar massa niveladora.

Tipos

Sua versão em manta foi o primeiro a surgir e é o mais barato, sendo recomendado para ambientes grandes, onde sua instalação é mais prática. Ele é pouco menos resistente do que o vinílico em placa, por ser bem “macio”.

O piso de vinil click

Vem em placas e não depende de cola, já que conta com um sistema de encaixe. O custo costuma ser um pouco mais alto. O autocolante é, como o nome já diz, já vem com o produto de fixação. Ele pode ser encontrado em manta ou em peças menores e também é considerado resistente

Atenção: não é recomendável usar o PVC sobre madeira, que dilata e retrai muito com a umidade. O piso pode ser usado em áreas internas que não serão lavadas, como salas, quartos e corredores. Se for usá-lo em cozinhas e lavabos, esses ambientes não poderão receber grandes quantias de água. 

Placas em réguas

Podem ser instaladas pelo morador, mas é importante que um técnico avalie se a base está boa. A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) recomenda que as mantas sejam instaladas por mão de obra especializada, pois as emendas exigem equipamento profissional.

No caso de uma base muito lisa, como de cimento queimado, a primeira fase do serviço é picotar o chão para a massa niveladora aderir. Se o piso onde o revestimento será aplicado for cerâmica ou porcelanato, basta passar primeiro a massa niveladora, para que as imperfeições e juntas do piso (rejunte) não apareçam no vinil flexível. Caso eles sejam do tipo brilhante, use um primer para melhorar a aderência à base antes da massa niveladora.

Piso vinílico imitando madeira de prática instalação

Feito de policloreto de vinila (PVC), minerais e aditivos, o material vem em placas, réguas ou mantas. Os pisos vinílicos mais conhecidos são aqueles que imitam o aspecto da madeira, porém existem modelos que simulam a textura de outros materiais, como mármore e cimento queimado.

Sua espessura pode variar entre 2 mm e 5 mm, o que influencia no preço e na resistência do material. Os valores de 2 mm e 3 mm são indicados uso residencial, enquanto a versão com mais espessura é ideal para áreas comerciais e de maior circulação. Dependendo da espessura e composição, o material pode ficar levemente marcado por saltos e objetos pontiagudos. Verifique a especificação antes de comprar o seu.

Os pisos são revestimento de vários tipos utilizados em praticamente toda construção civil, atualmente existem diversos modelos de pisos no mercado feitos com materiais variados os quais atendem primeiramente as diferentes exigências do público e a inúmeras necessidades da arquitetura. Eles podem variar no formato, tamanho, material, tipos de resistência, e claro no mais importante aos olhos qual seja os maravilhosos tipos de designer, textura, cores,  estampas e desenhos. Como aqueles belos azuleijos que refletem belas formas da natureza como os florais, ladrilhos e a geometria. Há também os pisos de madeiras que podem variar muita a entonação da cor dependendo da origem da madeira, inclusive algumas pessoas gostam de misturar as tábuas para um efeito visual ainda mais gradual e moderno ao chão. Pisos de pedras para áreas externas como quintais e passeios  que decoram com belas montagens de desenhos e também para ambientes internos como os pisos feitos de granito, mármore ardósia e outras pedras. Mas apesar de tanta variação o piso mais amplamente utilizado no mercado continua sendo as cerâmicas e os porcelanatos, pois oferecem uma vasta variação gráfica, texturas e cores. Contudo para atender as necessidades do mercado a indústria criou o piso em manta de vinil porque o piso vinilico tem preço econômico em relação aos outros também é de fácil instalação e durável.

Vantagens do piso vinilico

O piso vinílico é antialérgico e dificilmente mancha. O revestimento tem preço acessível, é leve e a aplicação é fácil e rápida. Sua flexibilidade resiste bem a impactos e reduz o barulho no ambiente, sendo uma boa alternativa aos pisos laminados, que causam ruído oco sobretudo sob a passagem de saltos altos ou unhas de animais.

Por não ser feito de material orgânico, ele não será atacado por insetos como cupins. Dependendo da textura, ele pode ser antiderrapante – mas não o suficiente para áreas molhadas.

Além da sala de jantar e de estar, do quarto e dos corredores, por exemplo, você também pode usar piso vinílico para cozinha e até em varandas cobertas e fechadas. Isso o diferencia de outros modelos de pisos que imitam madeira. 

 

Como aplicar e instalar piso vinílico

O contrapiso deve estar limpo e bem alinhado para receber o piso vinílico, caso contrário as imperfeições do chão serão vistos através do material. Siga o passo a passo seguinte:
- Limpeza cuidadosa do contrapiso;
- Aplicação de um aditivo ou primer para facilitar a adesão da argamassa ao piso original;
- Aplicação de argamassa comum e uma nivelante, em várias demãos, até deixar a superfície lisa;
- Aplicação de cola específica sobre o contrapiso revestido de argamassa e o verso do piso vinílico.

Atenção: não é recomendável usar o PVC sobre madeira, que dilata e retrai muito com a umidade. O piso pode ser usado em áreas internas que não serão lavadas, como salas, quartos e corredores. Se for usá-lo em cozinhas e lavabos, esses ambientes não poderão receber grandes quantias de água.

Como limpar o piso vinílico

Poeiras e pequenos resíduos saem com vassoura de pelo ou aspirador de pó. Pequenas manchas podem ser resolvidas com pano úmido e detergente neutro, enquanto manchas mais difíceis saem com uma esponja macia embebida com removedor neutro específico para o material diluído em água.

Um piso brilhante pode ser conseguido com uma enceradeira equipada de disco vermelho. Um bom truque é diluir um copo pequeno de vinagre em três litros de água, espalhando a solução com pano.

Filtros

Tabela  Lista

  1. 1
  2. 2
  3. 3
Filtros

Tabela  Lista

  1. 1
  2. 2
  3. 3
Filtros

Tabela  Lista

  1. 1
  2. 2
  3. 3
2019 © Direitos Reservados